DOE AQUI
0   /   100

O Paraná abraçou o Hospital de Clínicas para garantir seu funcionamento

Comece a ler

O ano era 2001, o Hospital de Clínicas enfrentava um dos seus momentos de maior crise e precisava de apoio. Faltavam insumos, medicamentos, equipamentos e principalmente, investimento. Na época, Fernando Miranda utilizou suas conexões políticas e o apoio da Associação para mobilizar a comunidade em prol do funcionamento do HC.

O hospital foi o palco para o grande encontro da ação, no dia 1º de dezembro de 2001, diversas pessoas ativas na comunidade, políticos, voluntários e integrantes dos Amigos do HC se reuniram na frente do Hospital de Clínicas para conseguir mais apoio. Fernando Miranda discursou sobre a causa e a urgência do hospital em receber ajuda para continuar seu atendimento. Estavam presentes pessoas influentes como: o secretário-geral da Presidência da República da época, Euclides Scalco; o governador do Paraná na época, Jaime Lerner;  o vereador de Curitiba na época, Jorge Samek; a vice-governadora do Paraná na época, Emília Belinatti e o ex-ministro Reinold Stephanes.

A mobilização foi nacional, Miranda foi até Brasília, pouco depois de começar a reunir esforços, para levar a causa adiante. Após a viagem, ele se reuniu na sede dos Amigos do HC, em Curitiba, com o reitor da UFPR, na época Carlos Augusto Moreira Junior, para dar continuidade na busca por apoio. Em cinco meses, o pacto recebeu grande apoio político e empresarial e foi implementado na prática com gestões junto à bancada federal e à presidência da república. A ação era definida entre os políticos como “Um projeto criativo e que trará bons resultados na solução da crise hospitalar”.

E trouxe bons resultados, as palavras de oradores como Fernando Miranda e Francisco Cunha Filho no dia 1º de dezembro de 2001 tocaram os corações e mobilizaram mais pessoas em prol do Hospital de Clínicas, ajudando-o a vencer a crise e levar esperança para o crescimento do hospital.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *